sexta-feira, 27 de março de 2015

25 anos: Os primeiros ônibus articulados que circularam em Fortaleza

Coletivos contemplavam as linhas Antônio Bezerra/Unifor e Campus do Pici/Unifor

Os ônibus articulados, "sanfona" ou "papa-filas", como eram popularmente conhecidos, já circularam durante alguns anos na capital e fez grande sucesso, atraindo alto número de passageiros. Os dois primeiros ônibus articulados da Companhia de Transporte Coletivo (CTC) foram apresentados em uma solenidade realizada na Av. Beira Mar, em janeiro de 1990, por Ciro Gomes, prefeito de Fortaleza na época. Os ônibus contemplavam as linhas Antônio Bezerra/Unifor e Campus do Pici/Unifor. 

Cada veículo custou cerca de 700 mil cruzados novos e foram incorporados à frota com o objetivo de diminuir filas e excesso de lotação. Tinham 18 metros de cumprimento, capacidade para 200 pessoas, três portas de acesso, encarroçado sob chassis Volvo B58. 

Alguns usuários no inicio das operações reclamavam em relação às linhas Circular, que operavam para a Beira Mar. Segundo eles, a superlotação era o principal problema e a solução seria a introdução de sanfonados à linha. Cinco dias após a publicação, a Prefeitura de Fortaleza incluiu ônibus articulados às linhas Messejana-Barra do Ceará (Perimetral) e Barra do Ceará-Cais do Porto (Leste-Oeste), atendendo às áreas litorâneas. 

As novas linhas causaram tumulto, aglomerando um grande número de passageiros aguardando os sanfonados, apesar de existirem outros ônibus que faziam o mesmo percurso. Para a maioria dos usuários, a medida foi benéfica, mas ressaltaram que o problema das lotações só seria solucionado com o aumento da frota dos veículos. 

As quatro linhas saíram de circulação devido as más condições das vias, a venda das linhas da CTC (Companhia de Transportes Coletivos) e a mautenção de alto custo do chassi Volvo. 

Sob a gestão Juraci Magalhães, em 1999, a Prefeitura apresentou plano de transporte coletivo e viário para a cidade. As alternativas incluíam a implantação de semáforos inteligentes, integração rodoviária e a volta dos veículos articulados para os horários de pico, para serem integrados ao Metrofor. 

Ainda em 1999, ônibus sanfonados foram adaptados para rodar em Fortaleza em fase de testes durante um tempo, mas não foram adquiridos pela CTC, sendo devolvidos posteriormente. 
Com informações: Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados