sábado, 14 de junho de 2014

Terminais Rodoviários do Sertão Central estão entre os piores do Ceará

O Terminal Rodoviário Professor Osvaldo Martins, em Quixeramobim foi inaugurado no ano de 1987, é considerado um dos piores do Estado. O complexo de embarque e desembarque de passageiros está em situação de abandono, reclamam passageiros, motoristas e permissionários dos pequenos comércios da maior rodoviária da região.

Um dos terminais mais movimentados do Sertão Central, o de Quixadá, também recebe reclamações. A queixa maior dos passageiros é dos banheiros. Os idosos demonstram preocupação com o acesso aos WCs. Segundo eles uma tampa de esgoto fica constantemente aberta e outra fica saliente ao piso do hall, ocasionando fedentina e riscos de queda. Há perigo também para as crianças, havia denunciado uma usuária, solicitando que seu nome não fosse revelado.

Acerca do Terminal de Quixeramobim, a Prefeitura informou já ter elaborado projeto para construção de uma nova rodoviária. O Município aguarda apenas a liberação de recursos financeiros para início das obras. Enquanto o serviço não é iniciado a Expresso Guanabara utiliza um ponto de embarque e desembarque próprio, para atender seus passageiros. O ponto, com sala de espera climatizada, fica situado ao lado do Restaurante Alvorada, a margem da CE-060.

Quanto ao terminal de Quixadá, o Departamento Municipal de Bens e Serviços Públicos (Dmasp) informou já ter adotado providências para solucionar o problema dos banheiros. O órgão também trabalha por melhorias. Em breve os passageiros poderão aguardar a chegada dos ônibus com mais conforto. Uma parceria está sendo firmada com a Expresso Guanabara para instalação de uma sala vip, com ambiente climatizado e televisores de led, dentre outros benefícios para os passageiros.
Com informações: Regional/Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados