sábado, 26 de julho de 2014

Em um ano, Fortaleza terá 137 Km de corredores para ônibus

Garantir uma razoável mobilidade urbana para as metrópoles do País tem sido um desafio. Uma das formas de buscar uma solução está em priorizar o transporte público. Contudo, a qualidade do serviço precisa melhorar muito para os usuários migrarem de veículos individuais para coletivos. Uma das maneiras de priorizar esse serviço é através de corredores exclusivos. Atualmente, Fortaleza tem cerca de 15 quilômetros de faixas destinadas a ônibus e outros meios correlatos. Entretanto, em um ano, a Capital passará a ter 137 quilômetros de faixas exclusivas, garantiu ontem o prefeito Roberto Cláudio.

Os corredores estarão espalhados por toda a cidade e a expectativa da Prefeitura é reduzir, em média, em 40% o tempo dos trajetos. Vans e táxis também poderão circular nas áreas delimitadas. A implantação será feita em etapas. Até outubro serão 28,8 quilômetros nas avenidas da Universidade (1,5Km), Carapinima (2,9Km), José Bastos (8,3 Km), Antônio Sales (4Km), Domingos Olímpio (4,6Km) e Godofredo Maciel (7,5Km).

Em julho de 2015 as outras vias beneficiadas serão as avenidas Engenheiro Santana Júnior, Washington Soares, Abolição, Osório de Paiva, Bernardo Manuel, Presidente Costa e Silva, Cel. Matos Dourado, Alberto Craveiro, Raul Barbosa e Presidente Castelo Branco.

A exemplo do que já ocorre na Av. Bezerra de Menezes, apesar de exclusivas, outros veículos poderão circular em distâncias que irão variar entre 100 e 300 metros "para fazer a conversão à direita e para o acesso à residências ou comércios à direita dessas vias", explicou o prefeito.

As faixas exclusivas funcionarão nos dias úteis das 5h às 21h e aos sábados das 5h às 16h. De acordo com a Prefeitura, a fiscalização será feita em três etapas: adaptação; educação e penalização. De acordo com Luís Alberto Sabóia, as multas passarão a ser aplicadas cerca de 60 dias após as implantações.

A mudanças também preveem a requalificação das paradas de ônibus, que vão ganhar cobertura, informações sobre as linhas que lá circulam e um novo padrão de iluminação, a partir da inauguração do corredor expresso na Av. Bezerra de Menezes. "Com o funcionamento do novo corredor Antônio Bezerra/Centro, já com as paradas no canteiro da Av. Bezerra de Menezes, entre o fim de setembro e começo de outubro, nós teremos o primeiro e único corredor exclusivo de ônibus de Fortaleza e já vamos operar como os ônibus sanfonados, com porta dos dois lados, com acesso em nível, todos com ar condicionado", acrescentou Roberto Cláudio.

Nova linha
O prefeito destacou ainda que as faixas exclusivas fazem parte de uma nova etapa das ações de estímulo ao transporte público, que inclui a integração entre ônibus e vans, e as mudanças nas rotas dos modais, em que o transporte complementar passou a circular em terminais e uma linha de ônibus, a Barra do Ceará/Cais do Porto, antes feita por vans passou a ser feitas por ônibus. E, segundo ele, uma nova linha será implantada em breve. "A segunda linha, Canindezinho/Iguatemi, será anunciada na próxima quinta-feira. Essas são as duas linhas que estarão integradas até o fim do mês", disse.

Ar-condicionado
Roberto Cláudio também anunciou que toda a frota de ônibus da Capital terá ar-condicionado em até seis anos, quando a frota deverá ser totalmente renovada. "A partir do dia 1º de dezembro deste ano, toda permuta de frota de ônibus em Fortaleza acontecerá com ônibus com ar-condicionado", garantiu. De acordo com ele, pelo menos 12,5% dos veículos serão trocados a cada ano. "Os primeiros veículos modificados irão transitar nas vias com faixas exclusivas", disse. '

Via paralela  deve aliviar  a Washington Soares
Com a implantação das faixas exclusivas para ônibus, o espaço para os veículos particulares ficará reduzido. Com isso, vias como a Av. Washington Soares, principal corredor para a zona mais populosa da cidade, ficará sobrecarregada. Para amenizar a situação, a Prefeitura pretende ligar a Av. Miguel Dias, no bairro Edson Queiroz, até o Cambeba. Para isso, negocia a desapropriação de alguns terrenos.

A ideia é ligar a via com início nas proximidades do Shopping Iguatemi com a Rua Pinto Bandeira, no bairro Luciano Cavalcante. Entretanto, a ligação depende da desapropriação de um terreno do Município e a negociação com terrenos particulares.

Apesar do alto valor dos espaços, a prefeitura espera conseguir a posse sem custos. "Estamos negociando para fazer isso sem ônus, a partir do princípio que a abertura da via vai beneficiar os terrenos", afirmou o titular da Secretaria de Infraestrutura (Seinf), Samuel Dias.

Mesmo sem a ligação pretendida, a Rua Pinto Bandeira já é acessada por alguns motoristas. Com a ligação, a via duplicada terá melhorias e será ligada ao Cambeba pela ruas General Caiado de Castro e Ieda Pereira, que funcionarão como um binário. "Esse binário vai até a Oliveira Paiva e faz um trecho por uma rua até o Lago Jacareí e de lá até a Av. Ministro José Américo", resumiu o secretário.
Com informações: Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados