segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Fortaleza: Veja como ficou as readequações de algumas linhas operadas por ônibus e vans

De acordo com a Etufor, o projeto do SIT-FOR irá readequar todas as 16 linhas que integram o transporte complementar, com o objetivo de otimizar o serviço de transporte da cidade. As mudanças começam com a troca de veículos em nove linhas, incluindo a linha 711 (Barra do Ceará/Cais do Porto), que era operada por dez vans e agora passará a ser ofertada por 14 ônibus, o que aumentará em 180% o número de vagas e diminuirá em três minutos o tempo de espera.

Mais recentemente, no dia 31 de julho, a linha 705 (Canindezinho/Iguatemi) também sofreu alterações, quando teve o itinerário alterado e passou a se chamar Canindezinho/Uece.

A Etufor explicou que uma pesquisa detectou que a maioria dos usuários só utilizava o transporte até a Universidade Estadual do Ceará (Uece) e usou os dados para justificar o ajuste. Para os outros passageiros, foi disponibilizado um posto do Bilhete Único no fim da linha para facilitar a integração.

No mesmo dia, a Linha 356 (Genibaú/Lagoa) também sofreu mudanças. De três ônibus, passou a operar com sete vans, reduzindo o tempo de espera em 50%, de 14 para sete minutos. Para Ranulfo Santos, motorista da linha, o ajuste foi muito positivo. "Antes, eram 25 minutos de um carro para outro, e agora são dez minutos. Para o passageiro, ficou ótimo", ressaltou.

Com relação à possível lotação com um veículo menor, o condutor garantiu que isso não irá acontecer. "Não tem como lotar, porque levamos mais gente em menos tempo. E a tendência é melhorar", disse.

Outra linha com previsão de alteração é a 757 (Vila Velha/Centro). Entretanto, ela só deverá ser implantada quando o corredor exclusivo de ônibus (BRT) da Avenida Bezerra de Menezes estiver em operação.

Para o chefe da Divisão de Planejamento da Etufor, Miguel Guimarães, as mudanças foram feitas para que os micro-ônibus funcionem, de fato, como transporte complementar. "O correto é que essas linhas operem como complementares e, aos poucos, elas vão ser redimensionadas para que possam sair do bairro e alimentar um corredor de ônibus ou para um terminal, que foi o que aconteceu", explicou.

Novos ajustes
Guimarães disse, ainda, que duas outras linhas de vans sofrerão alterações ainda neste mês, entretanto, afirmou que não poderia divulgá-las. Ele adiantou que os ajustes levarão novas vans para os terminais. "Temos que ter cuidado ao mexer nas linhas, fazendo visitas às comunidades, chamando lideranças, apresentando o projeto e perguntando qual a melhor maneira de melhorar o atendimento", completou.

Com relação aos resultados obtidos até agora, o chefe da Divisão de Planejamento disse que a situação é positiva. "Está muito bom o projeto, tanto que estamos continuando. Claro que sempre há reclamações, mas foram mínimas. Estamos monitorando e, de acordo com a necessidade, vamos fazer ajustes. Por isso, deixamos veículos reservas nos terminais", finalizou Guimarães.

Linhas modificadas

324 - Cj Ceará/1ª Etapa
Antes: 2 ônibus / Espera: 14 minutos
Agora: 4 vans / Espera: 7 minutos (redução de 50%)

367 - Cj. Ceará / Bom Jardim SP1 368 - Cj. Ceará / Bom Jardim SP2
Antes: 3 ônibus / Espera: 16 minutos
Agora: 6 vans / Espera: 8 minutos (redução de 50%)

394 - Parque Universitários/Lagoa I
396 - Parque Universitários/Lagoa II
Antes: 2 ônibus / Espera: 20 minutos
Agora: 3 vans / Espera: 13 minutos (redução de 35%)

318 - Av. Lineu Machado SP1
348 - Av. Lineu Machado SP2
Antes: 3 ônibus / Espera: 12 minutos
Agora: 4 vans / Espera: 9 minutos (redução de 25%)

243 - Parque Universitários / Antônio Bezerra
Antes: 3 ônibus / Espera: 12 minutos
Agora: 5 vans / Espera: 7 minutos (redução de 42%)

711 - Barra do Ceará/Cais do Porto
Antes: 10 vans e 400 lugares
Agora: 14 ônibus e 1.120 lugares (aumento de 180%)

356 - Genibaú/Lagoa
Antes: 3 ônibus / Espera: 14 minutos
Agora: 7 vans / Espera: 7 minutos (redução de 50%)
Com informações: Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados