terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Fortaleza: Fiscalização da faixa exclusiva de ônibus na Av. Perimetral inicia em janeiro

O aumento das vias com faixas exclusivas para o transporte coletivo na Capital tem mudado a relação do fortalezense com o trânsito. Apesar da resistência inicial de muito motoristas, o novo modelo de tráfego é cada vez mais respeitado, especialmente com a fiscalização eletrônica. Na Av. Perimetral, que começou a operar neste sistema, as autuações começarão no próximo dia 5 de janeiro.

De acordo com a Empresa de Transporte Público de Fortaleza (Etufor), a fiscalização eletrônica já está sendo implantada no trecho de 7,2 quilômetros, entre a rodovia BR-116 e a Av. Juscelino Kubitschek, da primeira fase da implantação da faixa. Mesmo que a instalação dos aparelhos atrase, rotas volantes da Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e Cidadania (AMC) poderão multar motoristas de veículos particulares que percorram a área além da distância permitida.

Para o presidente da Etufor, Antônio Ferreira, a aplicação de multas tem contribuído para o funcionamento das faixas exclusivas. "Depois da fiscalização eletrônica, a gente nota que a população, principalmente o usuário do automóvel, obedece mais", afirmou. 

A Etufor divulgou, ainda, que cerca de 95 mil passageiros serão beneficiados com um aumento de 40% na velocidade dos coletivos. No trecho, circulam cerca de 90 ônibus por hora nos horários de pico e durante todo o dia, são feitas 1.252 viagens. A segunda parte da implantação na Av. Perimetral, que vai da Av. Juscelino Kubitschek até a Av. Godofredo Maciel, com 8,4 quilômetros, será concluída no próximo mês, garante a empresa.

A medida faz parte do Plano de Ações Imediatas para o Trânsito e Transporte (Paitt), que prevê a instalação de 137 quilômetros de faixas exclusivas até a metade do ano que vem. A Capital já conta com 54,2 quilômetros de áreas para a circulação de transportes coletivos.

Para permitir o fluxo mais eficiente dos veículos nas faixas exclusivas da via, as paradas de ônibus foram reestruturadas, com uma distância de 500 metros entre elas. "O que importa é que vamos fazer o trajeto com mais rapidez", comemorou o autônomo Hernandes Frota. Já para o copeiro José Ribamar, a mudança não agradou. "Vai ser mais perigoso andar aqui a noite", pondera. Conforme a Etufor, a reestruturação entre os pontos permitirá aos veículos alcançarem uma velocidade média de 25km/h.
Com informações: Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados