quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Fortaleza poderá ter 30 ônibus com ar-condicionado até o fim do ano

Até o fim de 2014, Fortaleza deverá ter de 20 a 30 ônibus com ar-condicionado, de acordo  com o presidente do Sindicato das Empresas das de Transporte de Passageiros do Ceará (Sindiônibus), Dimas Barreira. “É difícil precisar um número exato porque não existe ônibus para pronta entrega. O empresário encomenda e a gente nunca tem a certeza da data certa da entrega pela fábrica”, explica. Os primeiros ônibus climatizados já estão operando na linha Antônio Bezerra-Papicu. Segundo Dimas Barreira, a previsão é de que 2015 termine com cerca de 250 ônibus com ar-condicionado circulando na capital cearense.

O sistema de transporte coletivo de Fortaleza conta hoje com 1.930 veículos divididos em cerca de 270 linhas. Em julho, durante o lançamento do Programa de Implantação de ar-condicionado nos ônibus, o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, estabeleceu prazo de e seis anos para que toda a frota de coletivos da cidade tenha esse dispositivo. Segundo o prefeito, a cada ano, pelo menos 12,5% da frota de ônibus serão substituídos por veículos com ar-condicionado.

Pesquisa realizada pela Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) em 2013 apontou que 43% dos usuários de transporte público consideram ar-condicionado o principal atributo de conforto. Segundo Roberto Cláudio, a reposição da frota será gradual para não impactar negativamente no preço da tarifa e por não ser possível instalar ar-condicionado nos ônibus existentes, sendo necessária a troca por veículos que já tenham essa estrutura.

“Fortaleza é uma das cidades que tem a frota mais nova, com idade média de quatro anos. Assim, não vai ser uma tarefa difícil cumprir essa meta estabelecida pelo prefeito de ter, até 2020, toda a frota do transporte coletivo da capital cearense com ar-condicionado”, acredita Dimas Barreira.
Com informações: G1 Ceará

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados