quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Fortaleza: Passagem de ônibus aumenta 9,09% e passa a custar R$ 2,40

A partir da próxima sexta-feira (16), os usuários do transporte público de Fortaleza pagarão mais caro pelas tarifas de ônibus e vans. O reajuste de 9,09% no valor da passagem foi anunciado, na tarde de ontem, pela Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor). Dessa forma, a taxa passará de R$ 2,20 para R$ 2,40 (inteira) e de R$ 1,10 para R$ 1,20 (meia).

Entre as nove capitais brasileiras que revisaram suas tarifas nos últimos três meses, Fortaleza teve o quinto menor aumento. Curitiba (PR) reajustou em 5,56%; Boa Vista, no estado de Roraima, em 7,7%; Salvador, (BA) em 7,15% e Belo Horizonte, em 8,8%. São Paulo, com o crescimento de R$ 2,40 para R$ 2,90 em dezembro de 2014, teve a maior subida até então, com 20,84%.

A tarifa social em Fortaleza, cobrada aos domingos e nos dias 31 de dezembro, 1º de janeiro e 13 de abril, passará de R$ 1,60 para R$ 1,80 (inteira) e de R$ 0,80 para R$ 0,90 (meia). Já a hora social, vigente diariamente nos horários de 9h às 10h e de 15h às 16h, aumenta de R$ 2,00 para R$ 2,20 (inteira) e de R$ 1,00 para R$ 1,10 (meia).

O único valor que permanece sem reajuste é o da Linha Central, que continua com as tarifas de R$ 0,40 (inteira) e R$ 0,20 (meia). Os benefícios do sistema de transporte serão mantidos, como o passe livre para pessoas com deficiência e a meia estudantil ilimitada.

O novo valor da passagem está publicado na edição do dia 2 de janeiro do Diário Oficial do Município. Conforme ressalta a Prefeitura Municipal de Fortaleza, a mudança da tarifa ocorreu com valor abaixo da inflação (baseada no Índice Geral de Preços do Mercado - IGPM - 12,34%).

O aumento foi inferior ao proposto pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), de 13,64%, o que deixaria a passagem em R$ 2,50.

Os motivos apresentados para a revisão do valor foram os dois últimos reajustes dos pisos salariais dos trabalhadores em transporte coletivo de passageiros, de 8,54% em 2013 e 10% em 2014; a ampliação de 54 novos veículos na frota operante, passando de 1.841 veículos em 2012 para 1.878 em 2014 e o aumento de 23,97% no preço final do óleo diesel. Com uma média de 650 mil usuários por dia, a arrecadação atual mensal é de cerca de R$ 47 milhões.

Melhorias no transportes
Conforme reforçou o secretário de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), João Pupo, é compromisso da atual gestão municipal priorizar o transporte público de Fortaleza. Entre as ações de melhorias, disse, está a implantação de 100% dos ônibus e vans com ar-condicionado em um prazo de seis anos. A renovação foi iniciada em dezembro de 2014 e a frota, hoje, conta com 40 veículos climatizados.

"Não entra mais, no sistema de transporte de Fortaleza, veículo que não seja climatizado. A previsão é que a gente mude 12,5% da frota por ano e, em seis anos, consiga ter 100% dos carros com essa característica", garante o secretário.

Além disso, afirma, as empresas receberão uma nova classe de ônibus ainda não existente na Capital. Não se trata de veículos articulados, explica ele, são maiores, com 13,20 metros, dotados de suspensão pneumática e câmbio automático, com capacidade para até 125 passageiros. Nos atuais carros comuns, cabem 80 pessoas.

Faixas exclusivas de ônibus
Outro benefício reforçado pelo secretário foi o programa de faixas exclusivas, que contou com 54,2 Km implantados até dezembro de 2014. Ainda segundo João Pupo, a expectativa é de implantar mais 82,8 Km até maio deste ano. "Tivemos um aumento de 201% da velocidade operacional dos ônibus na Avenida Santos Dumont e 144% da Avenida Dom Luís".

O secretário de Conservação e Serviços Públicos anunciou, ainda, a reforma do Terminal de Messejana, prevista para começar até o meio deste ano e apontou o Bilhete Único como importante instrumento no programa de mobilidade da Capital.
Com informações: Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados