quarta-feira, 13 de maio de 2015

Ônibus Urbanos: Um mercado com grande potencial para ar-condicionado

O transporte público urbano brasileiro é uma excelente oportunidade para a indústria de aparelhos de ar-condicionado. Os serviços de ônibus geram também condições favoráveis para que o ambiente interno do veículo privilegie o conforto dos passageiros. Mas, essa questão ainda se esbarra no aspecto custo operacional dos sistemas, coberto apenas pelo valor das passagens em praticamente todas as cidades, sem recursos extras para financiar tal comodidade.

O Brasil, como sabemos, tem um clima tropical (em algumas regiões o calor predomina o ano inteiro) que contribui com a ideia de uma maior presença desse mecanismo.

Além da histórica barreira de se ver um ônibus urbano com o diferencial, o País passa hoje por um período complicado em sua economia, fazendo com que a indústria automobilística pise no freio e haja uma redução da renovação das frotas municipais para o transporte coletivo. Mas há esperança de mudança quanto a desse cenário negativo. Para Paulo Lane, diretor de marketing e produtos da Thermo King para a América Latina, o otimismo ainda se mantém no segmento, fato que se comprova pelo interesse de algumas grandes cidades brasileiras em adotar ônibus equipados com ar. São Paulo, por exemplo, com sua futura licitação dos serviços de ônibus, e que hoje determina que os novos veículos que entrem em operação já venha com os aparelhos, pode encabeçar o mercado.

“A indústria revelou certo ânimo com o segundo semestre. O que se projeta e busca são alternativas para a alavancagem das vendas, com programas diferenciados de financiamento para os transportadores”, comentou Lane. Os projetos de BRT (Trânsito Rápido de Ônibus), que poderão ser implantados em várias cidades brasileiras, tendem a ser um agente de impulso às vendas, indicou Lane.

O executivo da Thermo King também olha para outras regiões, como o Fortaleza e Rio de Janeiro, que objetiva trocar sua frota de ônibus urbano sem ar-condicionado para veículos com a comodidade. Além disso, há os projetos de corredores exclusivos para ônibus que movimentarão esse mercado.

Pensar em uma maior sofisticação aos ônibus urbano, é lembrar do ar-condicionado para ampliar o conforto aos usuários dos sistemas. Porém, é necessário que haja uma compensação por seu uso, que implica em gastos. Há muito chão para que essa ferramenta conquiste espaço, seja em serviços convencionais ou em sistemas com corredores troncais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados