quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Mercedes-Benz expande a oferta de câmbios automatizados para ônibus rodoviários

Caixa automatizada Mercedes PowerShift GO 240 já pode ser solicitada com ou sem retarder, ampliando o leque de aplicações dos chassis O 500 rodoviários. Clientes Mercedes-Benz continuam contando com as opções de câmbio manual para toda a linha O 500, além de caixa automática para alguns modelos, o que reafirma a versatilidade dos ônibus da marca

Amplamente reconhecidos no mercado brasileiro por seu elevado padrão de desempenho, economia, conforto e segurança, os chassis de ônibus rodoviários Mercedes-Benz da linha O 500 também se destacam por sua flexibilidade e versatilidade.

“Este é o caso da caixa automatizada Mercedes PowerShift GO 240 de 8 marchas, que agora já pode ser solicitada com ou sem retarder para os modelos RS, RSD e RSDD”, afirma Curt Axthelm, gerente sênior de Marketing de Produto Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “Estas soluções de avançada tecnologia oferecem um elevado conforto para os motoristas, com menor consumo de combustível e maior durabilidade do veículo. Como resultado, diminui os custos operacionais, assegurando uma excelente rentabilidade operacional para os nossos clientes”.

De acordo com o executivo, a introdução frequente de novos itens de alta tecnologia amplia sempre o leque de possibilidades para que os clientes configurem seus ônibus de acordo com suas demandas, tipo de operação e condições de topografia onde irão atuar. "Assim, poderão desfrutar de mais benefícios em termos de segurança ativa e passiva, somando-se ainda as vantagens de melhor desempenho, menor consumo de combustível e maior conforto para o motorista e para os passageiros".

Caixa automatizada com ou sem retarder 
A caixa automatizada Mercedes PowerShift GO 240 de 8 marchas para ônibus rodoviários passa a ser oferecida ao mercado em duas versões. Com retarder é item de série para os modelos O 500 RSD 2441 6x2 e O 500 RSDD 2741 8x2 e opcional para os chassis O 500 RS 1836 e O 500 RSD 2436 6x2. A versão sem retarder está disponível, como opcional, para os modelos O 500 RS 1836 e O 500 RSD 2436 6x2.

Além de aumentar significativamente a segurança de frenagem, o retarder proporciona redução nos custos operacionais, graças ao menor desgaste do sistema de freios e dos pneus.

A caixa automatizada GO 240 foi desenvolvida para aplicação em ônibus rodoviários. Esta caixa de mudanças não tem pedal de embreagem, o que aumenta notavelmente o conforto para o motorista, que pode assim dedicar muito mais atenção ao trânsito. Ou seja, mais segurança para o condutor do veículo e para os passageiros.

O Mercedes PowerShift pode ser operado nos modos automático ou manual, dependendo da preferência do condutor do veículo. A manopla está localizada em posição muito confortável, num console no assoalho junto ao banco do motorista.

Devido à eletrônica inteligente, o sistema de gerenciamento da caixa automatizada escolhe sempre a melhor marcha para a operação. Isso resulta em menor consumo e em maior segurança contra operações inadequadas, além de baixo desgaste da embreagem.

Em harmonia com o motor OM 457 LA, o câmbio GO 240 proporciona uma excelente dirigibilidade, com melhores arrancadas e retomadas de velocidade, ultrapassagens mais ágeis e maior elasticidade das marchas.

Cliente conta com opções de câmbio manual e caixa automática
Os clientes Mercedes-Benz contam com mais opções na hora de configurar seus veículos. Além da caixa automatizada, com ou sem retarder, têm à escolha o câmbio manual, disponível para toda a linha O 500, e também a caixa automática ZF Ecolife com retarder incorporado para os chassis O 500 R e O 500 RSD 2441 6x2

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados