terça-feira, 29 de setembro de 2015

Mercedes-Benz lança versão de câmbio automatizado com retarder

A Mercedes-Benz passa a oferecer o câmbio automatizado PowerShift GO 240 de 8 marchas em duas versões para o chassi O 500 aplicado ao ônibus rodoviários: com ou sem retarder, sistema auxiliar que funciona em conjunto com o freio do veículo, aumentando significativamente a segurança.

A caixa automatizada com retarder passa a ser item de série para os modelos O 500 RSD 2441 6x2 e O 500 RSDD 2741 8x2 e opcional para os chassis O 500 RS 1836 e O 500 RSD 2436 6x2. A versão sem retarder está disponível como opcional para os modelos O 500 RS 1836 e O 500 RSD 2436 6x2.

“Estas soluções de avançada tecnologia oferecem um elevado conforto para os motoristas, com menor consumo de combustível e maior durabilidade do veículo. Como resultado, diminui os custos operacionais, assegurando uma excelente rentabilidade operacional para os nossos clientes”. 

De acordo com Curt Axthelm, gerente sênior de marketing de produto ônibus da Mercedes-Benz do Brasil, a introdução de novas tecnologiaa amplia o leque de possibilidades para que os clientes configurem seus ônibus de acordo com suas demandas, tipo de operação e condições de topografia onde atuam. “Estas soluções de avançada tecnologia oferecem um elevado conforto para os motoristas, com menor consumo de combustível e maior durabilidade do veículo. Como resultado, diminui os custos operacionais, assegurando uma excelente rentabilidade operacional para os nossos clientes.” 

A transmissão PowerShift foi desenvolvida especialmente para aplicação em ônibus rodoviários e pode ser operada nos modos automático ou manual, dependendo da preferência do condutor. A manopla está localizada num console no assoalho junto ao banco do motorista. 

Devido à eletrônica embarcada, o sistema de gerenciamento da caixa automatizada escolhe sempre a melhor marcha para a operação, o que resulta em menor consumo e em maior segurança contra operações inadequadas, além de baixo desgaste da embreagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados