quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Regulamento do Monitriip será tema de reunião da ANTT

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) realizará no dia 2/10, em sua sede em Brasília, a Reunião Técnica Monitriip nº 001/2015. O objetivo é debater e esclarecer requisitos e características do Sistema de Monitoramento do Transporte Rodoviário Interestadual e Internacional Coletivo de Passageiros (Monitriip), definido na Resolução ANTT nº 4.499/2014. O regulamento de avaliação de conformidade doMonitriip, aprovado pela Portaria SUEXE nº 01, de 30 de junho de 2015, também será tema da reunião.

A reunião é restrita a empresas desenvolvedoras de sistemas de monitoramento e organismos de certificação designados pela ANTT. Os interessados no fornecimento ou certificação de sistemas de monitoramento que não receberem seus convites automaticamente poderão requerer participação por meio do endereço eletrônico supas@antt.gov.br.

Monitriip
O sistema consiste na instalação de equipamentos homologados pela ANTT em todos os ônibus da frota das transportadoras, que farão a transmissão de dados da viagem por meio de conexão móvel de dados (3G).

A Agência vai monitorar todas as viagens no transporte regular de passageiros, acompanhando também o número de pessoas transportadas, as tarifas praticadas e o cumprimento da programação horária e do itinerário.

As empresas de transporte de passageiros serão responsáveis pela aquisição, implantação e manutenção dos equipamentos necessários para o sistema, bem como pela coleta, armazenamento, disponibilização e envio dos dados para a Agência. Os Sistemas de Monitoramento que forem homologados serão, oportunamente, divulgados no sítio eletrônico da ANTT.

ANTT colhe subsídios para avaliação do transporte sob regime de fretamento
A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) abre, a partir de hoje, 28, Tomada de Subsídio nº 006/2015, com o objetivo de colher contribuições para a avaliação de tópicos da Resolução nº 4.777/2015, que regulamenta o transporte rodoviário coletivo interestadual e internacional de passageiros realizado em regime de fretamento.

Serão tratados nesse processo de participação social os temas: regras relativas ao valor de capital social e idade da frota e operação dos veículos do tipo micro-ônibus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados