quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

40 anos de operações da linha interestadual Fortaleza x Salvador

Por Fortalbus
Há exatos 40 anos, a linha interestadual entre Fortaleza x Salvador iniciou suas operações unindo as duas capitais nordestinas. A permissão para exploração da linha foi concedida para as empresas de ônibus Viação Brasília, de propriedade do Grupo Empresarial Raimundo Ferreira, e a Pensatur S/A, uma das empresas ligada ao Grupo Itapemirim.

Em 1976, a Viação Brasilia e Pensatur S/A venceram a concorrência aberta em âmbito nacional, pelo Departamento Nacional de Estradas de Rodagem (DNER), órgão regulador na época, para a concessão da linha rodoviária Fortaleza x Salvador x Fortaleza. A vitória teve maiores méritos e obteve maior repercussão no setor de transportes, inclusive em outros Estados.

No inicio das operações a Viação Brasília colocava uma dupla de motorista e a Pensatur S/A utilizava o sistema de ponte, com horas de viagem fracionadas. Os 1.328 Km que separam Fortaleza à capital baiana, era efetuado em 21 horas de viagem, com oito paradas efetuadas no trecho.

A partida dos ônibus entre Fortaleza x Salvador inicialmente ocorria no horário das 9 horas, e vindo de Salvador para Fortaleza, os ônibus obedeciam o mesmo horário. A operação era dividida entre as duas empresas em dias alternadas.

Na década de 80, a linha ficou sendo operada exclusivamente pelo Grupo Itapemirim, através das empresas Nossa Senhora da Penha, que absorveu as operações da Pensatur S/A e a Viação Itapemirim que em plena expansão adquiriu a linha da Viação Brasilia.

Hoje o trecho continua sendo operado pelas mesmas empresas, cada uma operando em dias alternados, agora no horário das 19:00 diariamente, tendo um horário extra sempre ás 19:30, dependendo da oferta de passageiros. Desde 2011, com o desligamento da Penha do Grupo Itapemirim, o trecho ficou competitivo, com as empresas disputando o passageiro com a melhoria dos serviços, respeitando cada um, o seu dia e horário de partida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados