sábado, 12 de março de 2016

Presença dos ônibus articulados ainda é mínima em Fortaleza

Os usuários do transporte público de Fortaleza estão se queixando da falta dos ônibus articulados que estavam em fase de teste. As reclamações são sobre as linhas 222 - Antônio Bezerra/Papicu/Antônio Sales e 082 - Antônio Bezerra/Messejana/Perimetral. Para agravar ainda mais a situação, de acordo com a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), algumas linhas de veículos articulados já encerraram suas atividades de teste. De acordo com informações no portal da Prefeitura de Fortaleza, até dezembro de 2015, o órgão iria adquirir 40 ônibus articulados, mas até agora apenas oito circulam.

Fabiane Lima, dona de casa, utilizava a linha de ônibus articulado 222, quando os veículos ainda circulavam no Dionísio Torres, mas se surpreendeu com a ausência nos últimos meses. "Eu andava na Aldeota pra comprar nos shoppings. Os ônibus eram bem espaçosos, o que facilitava a entrada com as sacolas. Antes era frequente a passagem deles, hoje ninguém pega mais", destaca. Com a falta dos veículos, a dona de casa diminuiu as idas ao comércio.

De acordo com Antônio Ferreira, presidente da Etufor, as linhas 222 e 082 operaram com os ônibus articulados apenas em caráter experimental. Os critérios para a operação com ônibus articulados dependem da alta demanda das linhas, bem como da possibilidade de uso da infraestrutura de faixas exclusivas e corredor exclusivo para ônibus.

Segundo o gestor, atualmente, a linha 200 conta com oito ônibus articulados, pois, além de possuir alta demanda opera em vias que possuem faixas exclusivas e corredor exclusivo para ônibus. Em breve, a linha 222 passará a operar nas estações da Avenida Bezerra de Menezes com veículos da classe "pesado" munido de portas à esquerda.

Os veículos interligam os bairros Antônio Bezerra e Papicu e terá sua frota reprogramada com veículos pesados e articulados com ar após a conclusão das obras do Corredor Antônio Bezerra/Papicu, na Av. Engenheiro Santana Jr. Outro corredor de transporte que brevemente iniciará suas obras é o Corredor Messejana/Centro que também possuirá linha operada com uma frota de veículos articulados.

Sindiônibus
O presidente do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), Dimas Barreira, contou que "as empresas têm oito veículos articulados. Estes podem aumentar no futuro se houver corredores exclusivos com linhas que tenham demanda e características para estes veículos, mas não há a previsão de quantidade ou quando. Já os ônibus com ar-condicionado estão sendo incluídos no sistema e não têm linhas fixas. A diretriz é priorizar onde há faixas exclusivas".
Com informações: Diário do Nordeste

3 comentários:

  1. Essa história de veículos articulado só operarem em corredores exclusivos. É conversinha para boi dormir por parte dos chorões da SINDIONIBUS. Ora se isso fosse verdade, a capital paranaense, Curitiba. Não teriam operandos em suas vias, veículos articulados de três portas, como ocorrem nas linhas INTERBAIRROS I, II, III, IV,V dessa capital!

    ResponderExcluir
  2. Concordo Beto, tive a oportunidade de conhecer, e as referidas linhas circulam inclusive em vias simples, sem faixa preferencial. existe má vontade mesmo e a Etufor não pressiona.

    ResponderExcluir
  3. Concordo com Beto. Em visita a CWB, constatei várias linhas com ônibus articulados em vias mistas, as vezes estreitas, etc. A linha Cabral Portão é um exemplo claro. Aqui as empresas fazem corpo mole, sequer compram padron traseiro, e a Etufor não faz vista grossa. Articulado em Fortal, só uma amostragem mínima...

    ResponderExcluir

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados