segunda-feira, 11 de abril de 2016

Portifólio das unidades Busscar Micruss no Ceará

Por Fortalbus
Até o final dos anos 90, a Busscar não produzia carrocerias para micro ônibus, até que em 1999 é lançado o Micruss, primeiro veículo dessa categoria da carroçadora catarinense. Inspirado em linhas modernas e arredondadas, suas linhas externas traziam poucos elementos, destacando grande área envidraçada, proporcionando melhor visibilidade para o condutor e passageiros. O modelo era disponível nas versões executivo, turismo, urbano, escolar e táxi lotação, com ótimo aproveitamento do espaço interno para oferecer total comodidade para circular em grandes centros e pequenos deslocamentos em rodovias.

Além do modelo tradicional, a versão “Mini Micruss” completava a linha de micros Busscar, pois se tratava de um veículo compacto, porém, maior que uma van, sendo altamente adequado para a utilização em grandes centros urbanos e pequenas viagens, logo, a carroçadora entrava também no segmento de minibus.

No ano de seu lançamento, a Empresa Santa Maria, de Fortaleza, adquiriu as primeiras unidades para aplicação urbana. Entre 1999 e 2002, a empresa incorporou à sua frota o modelo montado sobre chassis Mercedes-Benz e Volkswagen, porém, apenas com uma porta para embarque e desembarque dos passageiros.

Em 2000, a Rota Sol também incorpora o modelo à sua frota urbana, veículos equipados com sistema de ar condicionado, embora não fosse utilizado nas linhas de pequena demanda.

No ano seguinte, a Bons Amigos, pioneira na utilização das carrocerias Urbanus no Ceará, também aderiu ao Micruss com chassis Volkswagen. Ainda em 2001, a Viação Brasília, cliente Busscar desde 1989, incorporou a sua frota três unidades equipadas com ar condicionado e configuração semi-urbana para operação na região do cariri.

No metropolitano, ainda em 2001, a Empresa Nossa Senhora de Fátima operou com uma unidade Mercedes-Benz, ostentando o prefixo 135.

Após 2002, com a crise da carroçadora, o Micruss deixou de ser adquirido pelas empresas do sistema integrado, porém, a partir de 2006, a Busscar com novo fôlego passa a fornecer unidades do Micruss para as cooperativas de transporte alternativo de Fortaleza. Agora com duas portas e configuração mais adequada ao transporte urbano, o Micruss recebeu algumas alterações na carroceria, como o farol auxiliar integrado ao para choque dianteiro e novas grades.
A Empresa Itapebussu, que já operava com o modelo Urbanuss Ecoss, adquire duas unidades do Micruss 2007, prefixos 058 e 059. Em 2008, passou a ter as lanternas traseiras de leds, ausência do frizo lateral e farol de neblina integrado ao para choque.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados