sexta-feira, 3 de junho de 2016

Viagem inaugural do Bilhete Único Metropolitano de Fortaleza

O Bilhete Único Metropolitano, que passou a valer nesta quarta-feira (01/06), teve sua viagem inaugural na manhã desta quinta-feira (02/06). Representantes do Governo do Estado, Prefeitura de Fortaleza, empresas ligadas ao setor, autoridades e cidadãos participaram da viagem, que começou em Caucaia, teve integração na estação José Lourenço do corredor expresso da avenida Bezerra de Menezes e foi concluída na Avenida Santos Dumont. Com o novo cartão, os passageiros podem fazer integração entre os sistemas metropolitano e urbano da Capital pelo perído de três horas, beneficiando a população de Fortaleza e de outros 14 municípios.

Cerca de 20 mil usuários já fizeram o cadastro no Bilhete Único Metropolitano. Para cada viagem integrada, a economia para o usuário é de R$ 2, para passagem inteira, e de R$ 1 para meia passagem. O Governador Camilo Santana testou pessoalmente a eficácia do serviço. “Passamos o ano passado estudando essa medida, em parceria com o Sindiônibus e com os técnicos, mandamos a Lei que foi aprovada na Assembleia Legislativa e hoje já temos milhares de pessoas cadastradas. Ontem, mais de cinco mil usuários utilizaram o sistema e não houve nenhuma reclamação. Esse programa será monitorado 24 horas por dia e é um benefício não só na economia de tempo, já que o morador da Região Metropolitana não precisa mais fazer a integração no Terminal, mas também no bolso do cidadão”, disse.

O cartão pode ser usado nas linhas metropolitanas dos seguintes municípios: Caucaia, São Gonçalo do Amarante, Maracanaú, Maranguape, Guaiúba, Pacatuba, Aquiraz, Eusébio, Horizonte, Itaitinga, Pacajus, Chorozinho, Cascavel e Pindoretama, além de Fortaleza. O sistema é gerido pela Secretaria das Cidades, por meio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Somente no corredor expresso da avenida Bezerra de Menezes, fazem integração 26 linhas metropolitanas e 22 linhas municipais.

O custo final por viagem é definido a partir da atual tarifa das linhas de ônibus de cada município. Ao se integrar ao transporte metropolitano, o passageiro só precisa pagar a diferença entre o valor cheio da sua tarifa metropolitana, menos o que já foi pago. Por exemplo, para viajar de Caucaia a Fortaleza, o valor da passagem é de R$ 2,85. Ao usar o Bilhete Único Metropolitano, terá um desconto de R$2 no momento em que se integrar ao transporte urbano da capital (custo de R$ 0,75). O mesmo critério vale para o passageiro que estiver fazendo o trajeto de volta com o Bilhete Único.

“Esse subsídio é um benefício social para pessoas de baixa renda que precisam do transporte público todos os dias para irem trabalhar. Portanto, é uma política importante para os trabalhadores e trabalhadoras da Região Metropolitana de Fortaleza”, explicou Camilo Santana.

O sistema amplia a possibilidade de integração já ofertada pelo Bilhete Único, hoje entregue a 971.916 usuários da Capital. Até então, Já foram realizadas 420 mil viagens com integração nas linhas municipais, passando pelo corredor da Avenida Bezerra de Menezes.

Para o presidente da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), Rennys Frota, a medida vai trazer muitos benefícios para a população. “A população das cidades circunvizinhas à Fortaleza vai poder se locomover com mais facilidade, com benefício por dia de até R$ 4 na ida e volta. Todas as linhas da cidade são integradas, o cidadão pode descer em qualquer parada e pegar um outro ônibus. O Bilhete Único é um sucesso, com uma adesão em massa e que tende a ser crescente, inclusive já integrando com outros serviços como o Bicicleta Integrada”, afirmou.

Cleudênia Maria, 28, autônoma, fez o trajeto de Caucaia à Avenida Santos Dumont com o Bilhete Único Metropolitano. “É muito bom, vai ter impacto direto no bolso da população. Para quem trabalha é ótimo. Com o Bilhete Único já é muito bom, facilita bastante, e agora vai melhorar”, declarou.

Para fazer uso do benefício, é preciso realizar o cadastro em um dos sete ponto disponíveis em Fortaleza, Caucaia e Maracanaú. O cartão terá validade mediante o pagamento de R$ 7,20 referente ao crédito da primeira carga.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados