quinta-feira, 8 de setembro de 2016

A complicada situação operacional da Viação Nordeste

Por Fortalbus
A trajetória e a imagem do transporte rodoviário entre os estados do Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte está deixando aos poucos de existir, podendo até desaparecer definitivamente. Durante décadas os passageiros tinham uma marca, um tipo de serviço, uma empresa para confiar sua locomoção entre as cidades nordestinas, através dos ônibus amarelos da Viação Nordeste.

Hoje a situação melancólica da empresa vem refletir o preço que se paga por uma crise administrativa e financeira, que há anos tem afetado a Viação Nordeste, seus operadores e principalmente seus clientes. A Empresa nos últimos anos deixou de investir na sua frota, que sempre operavam exibindo uma nova fase, através das várias mudanças na pintura, mudanças de prefixos e detalhes na carroceria dos veículos. Tudo isso sem dúvidas inibiu com dignidade a crise na qual a empresa passava, inibiu até o ponto que a decaída dos serviços prestados chegou ao passageiro.

Os veículos da Viação Nordeste vem sofrendo com as constantes quebras e incêndios, causando uma perda e manutenção de seu patrimônio na última década. Tudo isso refletiu em cancelamento de horários e a perda de passageiros para outras empresas concorrentes do seguimento rodoviário. Estima-se que essa crise iniciou com conflitos entre os sócios, além da chegada massiva do clandestino no transporte intermunicipal dentro do Rio Grande do Norte, principal mercado da empresa até então.

O passado glorioso que a Viação Nordeste teve, tá ficando realmente para trás. Em alguns dias, a empresa teve suas agências lacradas na Paraíba e aqui no Ceará, sob suspeita de fraude tributária, impedindo que a mesma volte as operações, mediante o pagamento acumulado desses impostos. Mais um capítulo de agonia e dor para o transporte rodoviário nordestino, onde muitas empresas pioneiras atravessaram as adversidades durante décadas, mas ficaram para trás diante as novas regras e o fortalecimento do setor de passageiros.

Atualmente, a Viação Nordeste se desejar continuar neste setor terá que lutar muito pela sua própria sobrevivência. Nos últimos anos, veículos foram incorporados a frota em busca de oferecer um melhor serviço ao usuário, mas ao que parece não tem surtido efeito.

O Fortalbus torce pela permanência da Viação Nordeste no setor e acredita que com um acompanhamento eficaz nas atividades desenvolvidas pelos funcionários, investimento na frota e em tecnologias que facilitem ao usuário adquirir suas passagens, a tradicional empresa nordestina continuará prestando bons serviços que foram idealizados por mais de meio século pelo seu fundador, o Sr. Severino Thomaz da Silveira.

2 comentários:

  1. Eu acho que a viacao nordeste vai enfrentar uma batalha muito grande ja com tantos problemas como sonegacao de impostos passagens emitidas de outros estados eu acho que ela deveria atuar no ramo de transportes pq as coisas estao cada vez mais complicadas pra nordeste depois com chegada da guanabara e progresso ficou muito pior agora

    ResponderExcluir
  2. Tomara que feche logo. Trata mal os clientes. sou prova disso.

    ResponderExcluir

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados