sábado, 15 de outubro de 2016

Guanabara muda rota temporariamente, para preservar a segurança dos clientes

Por Fortalbus
Visando garantir a segurança de seus clientes, a Expresso Guanabara que opera diariamente as linhas ligando Fortaleza a várias cidades das regiões Centro-Sul e Cariri irá fazer um desvio temporário pela BR 116. Isso ocorre por conta das constantes tentativas de assaltos sofridas nas rotas que atendem a Estrada do Algodão. A mudança ocorre apenas nas viagens noturnas que atendem o trecho entre Quixadá e Iguatu, nas viagens diurnas não sofrerá mudanças.

Esta medida visa apenas preservar a segurança dos passageiros que viajam nos horários noturnos para Iguatu, Juazeiro do Norte e Crato via Quixeramobim. Esses usuários não são obrigados a fazer uma viagem acompanhada pelo medo, simplesmente por falta de uma ação integrada e mais enérgica das policias no combate a onda de assaltos que assolam as estradas da região. Lembramos sempre que a segurança nas rodovias é uma garantia do Estado, garantia esta que vem deixando muito a desejar.

Os ônibus da Expresso Guanabara possem toda tecnologia de segurança, com câmeras e rastreamento via satélite, onde avisam em tempo real quando qualquer fato acontece, provando assim que a polícia é informada, e já conhece bem onde as ocorrências de assaltos acontecem, sendo que até agora nenhuma medida foi praticada para garantir a segurança dos passageiros e motoristas que trafegam pela Estrada do Algodão.

A mudança temporariamente pode até aumentar o tempo de viagem, causando inicialmente aborrecimento e insatisfação dos passageiros, mais é uma ação necessária para a conclusão de uma viagem segura, sempre preservando a vida dos viajantes.

4 comentários:

  1. Até parece que a guanabomba esta preocupado com a segurança dos passageiros,hora hora,eles saíram da rota e porque não é lucrativo.

    ResponderExcluir
  2. Pessoal parem de dar ênfase a esses empresário s eles não estão nem aí para para o povo. Eles querem é ganhar dinheiro.e o resto todos já sabem.

    ResponderExcluir
  3. Caro amigo, caso você não saiba as ondas de assaltos no referido trecho são constantes, e eu mesmo presenciei um destes assaltos pois estava dentro do ônibus. No assalto em questão um passageiro foi belado de raspão, então acredito sim que a Guanabara está zelando por nossas vidas como a de seus colaboradores.

    ResponderExcluir
  4. o meu caro eu respeito sua opniao mas se todas as empresas de ônibus do brasil adotar essa conduta certamente ficaria poucos ônibus em circulação, no rio de janeiro o grupo Guanabara tem varias empresas de ônibus e vários ônibus deles já foram assaltados e nunca eles pararam de operar, então eu volto a afirmar eles não estão preocupado com a violência e sim com faturamento,

    ResponderExcluir

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados