segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Novo Centro Operacional Integrado da Etufor irá monitorar os ônibus de Fortaleza

A partir da próxima terça-feira (25), a cidade de Fortaleza, por meio da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), passa a contar com o funcionamento do Centro Operacional Integrado (COI). O novo espaço objetiva concentrar o serviço de monitoramento em tempo real das linhas, velocidade media dos ônibus e vans nas faixas exclusivas e corredores , bem como o pleno funcionamento dos sete terminais fechados, dos dois abertos, das estações do Corredor Expresso da Bezerra de Menezes por meio do circuito de câmeras.

Com o uso da tecnologia, será possível acompanhar em tempo real a operação de transporte, readequando a frota dos ônibus, os intervalos e, se necessário, realizar o desvio de rotas em caso de acidentes, manifestações ou obras. “Será possível verificar, em tempo real, o cumprimento das rotas das 327 linhas do sistema público de transporte de Fortaleza, planejando e operando com mais eficiência”, explica Antônio Ferreira, vice-presidente da Etufor. Para ele, ao verificar o cumprimento de itinerários, a regularidade e o índice de confiabilidade, é possível diariamente estudar e analisar a parametrização do quadro de horários a partir de atrasos ou adiantamentos. Por exemplo, nos eventos em que a Etufor disponibiliza frota extra, é possível, à distância, comprovar e avaliar a necessidade de aumento ou redução de veículos nos terminais.

Para Felipe Arcanjo, chefe da Divisão de Monitoramento, o COI beneficiará os usuários diretamente, reduzindo o tempo de espera nos pontos de parada, favorecendo o desvio de rota e redução de queimas de parada, a partir das denúncias que serão verificadas em tempo real. “Desta forma, será possível aplicar as medidas administrativas em caso de descumprimento”, considera.

Outro benefício relevante é a segurança dos ônibus, das vans e dos terminais que já são monitorados e integrados ao CIOPS - Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança, sendo também monitorados pelo COI. Isso, segundo a Etufor, facilita a ação dos agentes de segurança em tempo hábil. Além disso, a solução de problemas no âmbito de administração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados