quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Sindiônibus lança vídeo de treinamento para motoristas de ônibus sobre atendimento aos passageiros com mobilidade reduzida

O Sindiônibus está lançando um vídeo de treinamento para os operadores do transporte coletivo de Fortaleza e região metropolitana sobre atendimento aos usuários com mobilidade reduzida. O vídeo autoexplicativo ensina aos operadores a realizar um atendimento diferenciado para os deficientes físicos, deficientes auditivos, deficientes visuais, obesos, gestantes e idosos. O objetivo da ferramenta é sensibilizar os motoristas e cobradores sobre o atendimento a esse público prioritário, seja em caráter temporário ou permanente.

Segundo a Gerente Administrativa do Sindiônibus Maria José Luz, coordenadora do projeto, o vídeo foi pensado e produzido com inspiração em experiência bem sucedida de outra cidade e adaptado à realidade operacional local e identidade nordestina.

“Este é mais um investimento feito pelo Sindiônibus para contribuir com as empresas de ônibus nos diversos treinamentos que são realizados para profissionais do sistema de transporte urbano e metropolitano, cujo retorno é certo e rápido, se refletindo diretamente na qualidade percebida do serviço prestado”, afirma a gerente.

Ela ainda comenta que as vantagens dessa ferramenta são: “a facilitação didática, a definição de conteúdo, a padronização da abordagem e o cuidado com os detalhes que desvendam para os operadores a realidade das limitações vividas pelos usuários com mobilidade reduzida. Além disso, é uma demonstração do bom nível de alguns dos nossos profissionais que atuaram no vídeo e são personagens da vida real”.

O Presidente do Sindiônibus Dimas Barreira comenta que “administrar transporte coletivo numa cidade com as proporções da nossa região metropolitana de Fortaleza impõe uma série de desafios. Um dos maiores é justamente lidar com essa necessidade de harmonia e convivência de diversos públicos dentro do mesmo espaço. Portanto, é preciso treinamentos, fiscalização, conscientização dos operadores e também da população usuária”.

O Procurador de Justiça do Ministério Público do Ceará, Profº Luiz Eduardo, reforça e comenta que “a população também deve auxiliar os motoristas e cobradores, por exemplo, colaborando para que as cadeiras preferenciais sejam realmente preenchidas pelas pessoas que tenham as prioridades”.

Segundo Izabel Bandeira, Psicóloga da empresa Viação Fortaleza e membro do Criarht (grupo de profissionais de recursos humanos das empresas de ônibus), “esse vídeo irá reforçar no dia a dia as informações dadas nos treinamentos práticos e vivenciais, que já é política das empresas do sistema que trabalham a dinâmica de colocar-se no lugar do outro e assim garantir um transporte diferenciado aos usuários especiais”.

Confira o vídeo de apresentação:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados