sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Ônibus elétrico híbrido em teste emite 55% menos poluentes

A fase de testes da tecnologia elétrica híbrida da Volvo Bus Latin America, iniciada em Curitiba, apresentou resultados. Em pouco mais de três meses de operação já foi possível verificar que o veículo em circulação funciona 55% do tempo no modo elétrico (sem gastar nada de diesel e gerar poluentes), consome 65% menos combustível que o modelo convencional e 30% a menos que o híbrido convencional de primeira geração, o Hibribus, introduzido na frota de Curitiba em 2012. 

Até o momento só com uma estação de recarga no percurso de 22,5 quilômetros – o ideal, segundo os técnicos, seria uma estação a cada 10 quilômetros –, o modelo se mostrou viável em condições reais de uso. 

Curitiba é a primeira cidade da América Latina a testar a nova geração de ônibus híbrido elétricos da Volvo, numa operação conjunta com outras empresas – Siemens (responsável pela estação de recarga em âmbito global) e Ericsson (sistema de wi-fi) –, com o sindicato das empresas de ônibus de Curitiba e região (Setransp) e as operadoras Redentor, Cidade Sorriso e Glória, além da colaboração de acadêmicos da UTFPR e a participação do poder público, representado pela Urbs. Por se tratar de um teste, não há custos para os usuários ou para a prefeitura de Curitiba.

Batizado de Hibriplug, o veículo é a segunda geração de híbridos da Volvo, com tecnologia que possibilita a recarga da bateria do motor elétrico nos pontos finais de embarque e desembarque de passageiros.
Com informações: Gazeta do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados