segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Maioria dos passageiros de ônibus intermunicipal desconhece seus direitos, revela pesquisa

Uma pesquisa realizada pela Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado (Arce) revelou que muitos usuários de ônibus intermunicipal desconhecem os seus direitos e, muito menos, não sabem a quem reclamar quando necessitam. 

Ao todo, 470 pessoas foram entrevistadas para obter o resultado. A ouvidora chefe da Arce, Daniela Cambraia, ressaltou que de todas as pessoas ouvidas, os jovens e os menos alfabetizados são os que mais desconhecem seus direitos como consumidor.

“Eles precisam saber que podem contar com a agência caso tenha problema com as empresas de ônibus ou cooperativas. Esse levantamento também nos mostrou que o público que tinha mais dificuldade foi o público menos alfabetizado e o público jovem”, relatou. 

Todos os anos são disponibilizados pelas empresas de transporte metropolitano e interestadual cerca de 60 milhões de vagas para passageiros. Destes, mais de 41 milhões são para os usuários de linhas metropolitanas e quase 19 milhões para os interestaduais.

O empresário do setor de transporte rodoviário, Rafael Menezes, explica as diversas características de ônibus que circula no Ceará. “Existe a diferença entre o leito e o leito turismo. Ele é o que há de mais confortável no mercado, é uma fileira de um lado e duas do outro. E tem o leito turismo que são 48 lugares, que é o mais confortável e o mais rentável para o cliente. Isso é ideal para viagens mais curtas”, relatou.

Nesse período de férias, a procura por deslocamentos em ônibus aumenta significativamente. O desrespeito a legislação, como atrasos superiores a 10 minutos na partida do ônibus, não atendimento para gratuidade de idosos ou pela falta de assistência da empresa após acidentes e pane, podem ser informados ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran-CE). Caso não resolva o problema, a medida pode ser solucionada através da Arce.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados