segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Curiosidades sobre a Empresa Gontijo de Transportes

A Gontijo transporta anualmente cerca de sete milhões de passageiros, em 347 linhas nacionais e uma internacional, que liga Salvador (BA) a Assunção, no Paraguai. A linha mais longa é a que liga Colatina (ES) a Porto Velho (RO), com 3.732,8 km. Por ano, a frota da Gontijo consome quase 62 milhões de litros de óleo diesel, o primordial dessa infraestrutura é garantir a segurança e conforto dos passageiros, o que é obtido com a manutenção adequada, com empenho e dedicação de aproximadamente 7.000 colaboradores.

Processo de aquisição da Cia. São Geraldo 
Em junho de 2004 a Gontijo assumia oficialmente o controle da Cia. São Geraldo de Viação, fundada em 1949. Essa transação, em número de frota conjunta, é considerada até hoje uma das 5 maiores de todo o transporte rodoviário no pais.

Abílio Gontijo Junior: "Nessa época a Gontijo precisava crescer, até para solucionar a queda de passageiros que estávamos registrando desde 1998, com o crescimento da aviação e do transporte clandestino de passageiros. Tivemos duas opções, ou enxugávamos a Gontijo ou partíamos para novas aquisições".

Em 2015 o Grupo Gontijo confirmou a incorporação da empresa por força maior de contrato, bem como reestruturação para reduzir custos.

CMA Flecha Azul na frota da Gontijo
Herança da Impala Auto Ônibus, o carro 3625 foi o único exemplar CMA Flecha Azul guardado pelo Sr. Abílio Gontijo (fundador da empresa) em seu museu particular em Contagem - MG.

Antiga afiliada da Viação Cometa, a Impala foi adquirida pela Gontijo em 1996. Com isso a Gontijo ganhou cerca de 90 ônibus, as linhas: Belo Horizonte x São Paulo, Belo Horizonte x Curitiba, Belo Horizonte x Campinas e a garagem de Contagem (MG). Ele está um pouco empoeirado devido ao tempo que não é utilizado, mas quase todas suas peças são originais e o motor passa por revisão anualmente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados