quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Licitação do transporte coletivo de Natal não recebeu nenhuma proposta

Nenhuma empresa apresentou proposta para a licitação do transporte coletivo, na categoria ônibus urbano, realizada pela Prefeitura de Natal. A primeira sessão do processo licitatório aconteceu na manhã nesta terça-feira (31) e seria para receber os envelopes com propostas das empresas que ainda não tivessem sido enviados pelo correio para as secretarias responsáveis.

De acordo com o presidente da Comissão Especial de Licitação, Luciano Nascimento, o processo será adiado e novos prazos serão definidos. “O nosso objetivo era concluir essa fase ontem, para oferecermos o mais rápido possível um transporte de qualidade à população. Porém, devido à falta de propostas, vamos lançar um novo edital de convocação com no mínimo 45 dias”, informou.

A nova sessão está marcada para 4 de abril. Dois outros processos licitatórios, para transporte opcional e bilhetagem eletrônica, foram suspensos, o primeiro por decisão judicial e o segundo porque a prefeitura resolveu fazer alguns ajustes no edital.

Publicado em novembro do ano passado, o edital contempla dois lotes de serviço, cada um com 37 linhas de ônibus. O primeiro atenderá às zonas Oeste e Sul de Natal, e o segundo, às zonas Leste e Norte. As empresas vencedoras terão 180 dias a partir da assinatura do contrato para implantar o sistema. A concessão é válida por dez anos e pode ser prorrogada uma vez pelo mesmo tempo.

De acordo com o titular-adjunto da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, Walter Pedro, a cidade precisa do novo sistema. “Temos a preocupação em atender bem à população com um sistema de transporte de qualidade. Vemos que a população necessita, e a falta de apresentação de propostas pelas empresas nos frustra porque nossa intenção é regulamentar o sistema e atender a cidade”, lamenta.

O documento prevê a introdução de veículos novos com melhorias, tais como piso baixo, câmbio automático, motor central ou traseiro e ar-condicionado. Atualmente, sete empresas operam o transporte público na capital potiguar. Mais de 600 ônibus circulam e atendem cerca de 400 mil pessoas na região metropolitana da cidade.
Com informações: G1/RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados