sexta-feira, 9 de junho de 2017

Viaje nos fatos e fotos da Empresa Cialtra

Por Fortalbus
O transporte está em constante processo de transformação. Novas tecnologias são desenvolvidas para facilitar a vida do usuário, cada vez mais exigente por um serviço eficiente e economicamente compatível. As carroçadoras de ônibus buscam sempre uma posição de vanguarda, para obter destaque e prestígio no mercado. Isso se deve pela evolução dos projetos de novos modelos.

Existem modelos que fizeram história, pois o ônibus é o meio de transporte mais utilizado pela maioria da população brasileira. Transportaram os atuais profissionais que ajudam, ou ajudaram, no desenvolvimento por um Brasil grande. Os anos passaram, e já não é possível encontrar empresas de ônibus que, um dia, eram comuns de se observar nas ruas e avenidas. Hoje vamos falar de uma em especial, a Cialtra.

Fundada em 1966 com o nome de Companhia Industrial de Transporte S/A – CIALTRA, além de prestar os serviços de transporte coletivo de passageiros, também realizava consertos e confecção de suas próprias carrocerias na sua sede, inicialmente situada na avenida do Imperador.

No inicio da década de 1970, a Cialtra começava a explorar a região do Bairro Cidade 2000, na época, ainda em construção. Anos mais tarde, a Empresa já operava nas linhas Circular 1 e 2, Cidade 2000, Hospital do INPS, Aldeota, Dionísio Torres, Cocó, Parangaba/Praia do Futuro, Eng. Luciano Cavalcante e Unifor. Em 1974, já possuía uma frota de 46 ônibus.

A primeira motorista de ônibus urbano em Fortaleza, foi da Cialtra no ano de 1976. Albeniza Ferreira, conhecida como “Bibi”, foi contratada para dirigir os ônibus da Empresa com apenas 22 anos de idade. Naquela época, a Cialtra já transformava em suas oficinas, ônibus velhos em reboques, beneficiando também outras empresas cearenses, uma vez que a adaptação representava uma grande economia.

Em julho de 1977 a então Cia. Industrial de Transportes Ltda. mudaria de nome e de objetivo, passando a se chamar Cialtra Empresa de Transportes Ltda. explorando apenas o transporte coletivo de passageiros. Em 1985, a empresa foi comprada pelo grupo mineiro composto pelos sócios: Vergniaud Lassi Lopes, Antônio Carlos Lassi Lopes, Luiz Eustáquio Rodrigues e Dimas José da Silva. Este grupo que já contava com grande experiência no setor de transportes em Minas Gerais e outros estados, ficaria a frente da mesma até 1998.

Com a cisão parcial da Empresa, foi criada a Auto Viação São Judas Tadeu Ltda. em janeiro de 1998, tendo como acionistas apenas os membros da família Lassi Lopes. A Cialtra encerra suas atividades em agosto daquele ano, quando da outra parte surge a Via Máxima, que operou até fevereiro de 2010.

2 comentários:

  1. Uma curiosidade: aquela logo laranja, com 2 setas, foi criada pela Villela Design. Um dos nossos primeiros projetos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns, vocês vem desenvolvendo um ótimo trabalho.

      Estamos na torcida que mais trabalhos cheguem ao Nordeste, principalmente ao Ceará.

      Excluir

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados