terça-feira, 10 de outubro de 2017

Projeto pode alterar a idade máxima dos ônibus rodoviários no Ceará

Por Fortalbus
Em 2009, o Estado do Ceará licitou seu sistema de transporte intermunicipal de passageiros dividindo a operação em oito áreas. A implantação do novo sistema trouxe grandes benefícios aos usuários, entre eles o resultado da licitação ofertou aos viajantes uma tarifa mais barata, ônibus com ar condicionado e naquele momento o edital previa que os ônibus operassem com uma idade máxima de até cinco anos.

Naquele momento todas as empresas de ônibus vencedoras da licitação investiram pesado na compra de novos veículos rodoviários, investimento esse que continuou ano após ano, até os dias atuais. Além de beneficiar os passageiros, o novo sistema garantiu para as empresas vencedoras um equilíbrio operacional e financeiro na divisão dos lotes, dando margem para os investimentos na renovação da frota. 

Em 2015, houve uma alteração na idade máxima da frota junto ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran-CE), passando de cinco para sete anos. Agora corre uma proposta na Assembleia Legislativa visando a aprovação de uma lei que amplie o limite da idade média dos ônibus rodoviários intermunicipais de sete para nove anos. 

Uma das alterações ocorrida nos ônibus e sentidas pelos passageiros nos últimos anos é a ausência de sanitário em alguns veículos que operam linhas de média duração com quilometragem acima de 150 e até 200 km de distância de Fortaleza.

Hoje, o transporte intermunicipal de passageiros que operam linhas rodoviárias partindo de Fortaleza é operada pelas empresas Expresso Guanabara, Fretcar, Empresa São Benedito e Viação Princesa dos Inhamuns. Segundo pesquisas de satisfação realizada junto aos passageiros pela ARCE - Agência Reguladora do Estado do Ceará, o transporte intermunicipal precisa de melhorias, mas no contexto geral tem a aprovação dos usuários. 

2 comentários:

  1. É lamentável essa proposta que corre na Assembléia legislativa. É por isso que as grandes empresas crecem, pq pensam grande em tecnologias e conforto que é o que todo passageiro espera.depois reclamam do monopólio.

    ResponderExcluir
  2. E lamentável e o que a corrupção faz neste país. com o nosso povo e os corruptos e corruptores ainda tenham a administração desse povo ingênuo e acima de tudo um povo que só pensa em sair propio. Cansei

    ResponderExcluir

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados