quarta-feira, 7 de março de 2018

A curta passagem do modelo Spectrum Road pela Expresso Guanabara

Por Fortalbus
Em 2009, a gaúcha Neobus ingressou no mercado rodoviário cearense, através de cinco unidades da carroceria Spectrum Road 370, adquiridas pela Expresso Guanabara. Os ônibus rodoviários da Neobus chegaram ao Ceará trazendo um novo padrão de conforto, segurança, robustez, economia e uma série de novidades.

Os veículos Neobus adquiridos pela Guanabara eram equipados com chassi Mercedes-Benz 0-500 RS, e através do serviço Galant (Convencional), ofereciam uma configuração interna com muito espaço, novos revestimentos e 46 poltronas reclináveis com espuma injetada dando ao seu passageiro uma sensação inigualável de conforto e bem-estar, além da grande capacidade para transportar bagagens.

Inovação, design, conforto e segurança foram os fundamentos que levaram a Neobus a desenvolver o Spectrum Road, visando atender o frotista do mercado rodoviário para curtas e médias distâncias, aliada a alta tecnologia. Com esse modelo, a Neobus priorizou por modernidade no design e facilidade de manutenção, além disso o modelo apresentava um desenho externo com colunas frontais inclinadas.

Ao todo, a Expresso Guanabara teve em sua frota 20 unidades do modelo Neobus Spectrum Road 370, sendo 05 deles adquiridos em 2009 e 15 veículos vindo na renovação de 2010. E para manter a baixa idade média de sua frota, a Guanabara começou a desativar os Spectrum Road entre 2012/2013. Após a desativação os veículos seguiram para outras empresas ligadas ao Grupo, visando reforçar a frota delas.

Desde então, a Neobus conquistou importantes vendas de produtos rodoviários no Ceará, tendo principalmente o foco no segmento de turismo e fretamento, através de veículos com menor porte, provando assim que o modelo Spectrum Road cumpriu o seu papel de abrir as portas para essa carroceria em ascensão.

Um comentário:

  1. Alo alo viacao nordeste bora adqurir alguns onibus desses.voces estao presicando de renovacao de frota bora meus amigos

    ResponderExcluir

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados