quarta-feira, 20 de junho de 2018

O melhor dos serviços inteligentes para ônibus urbanos

O salão francês Transports Públics reúne a cada dois anos um público familiarizado com o transporte público, formado por especialistas, autoridades, operadores e indústria. Em um espaço com 30 mil metros quadrados, 250 expositores mostraram este ano suas inovações em termos de materiais, tecnologia, veículos, gestão e serviços.

Algumas das mais expressivas fabricantes europeias de ônibus revelaram desenvolvimentos bem atraentes, tanto em termos de estética e funcionalidade, como pelo lado da sustentabilidade ambiental, com veículos propulsionados 100% a eletricidade, com tração híbrida ou ainda movidos a gás natural/biogás. O transporte coletivo do amanhã será cada vez mais limpo, integrado e racionalizado, por isso a busca constante por soluções que promovam a transição ambiental das cidades que visam ter mobilidade eficiente é um imperativo.

Disponibilizar sistemas de transporte público por meio de serviços inteligentes de ônibus urbanos, com a combinação da sustentabilidade, rendimento e confiabilidade tem sido a tônica dos gestores compromissados com o desenvolvimento e o bem estar das pessoas.

Em relação aos veículos, o que se viu em Paris neste ano foi um misto de conceitos tecnológicos orientados para a eletromobilidade e também ao uso de combustíveis renováveis, no caso, o biogás, opção em voga em muitas cidades europeias. E a eficiência energética é um outro atributo muito procurado pelas montadoras no intuito de atender aos operadores e suas necessidades de equilíbrio financeiro em seus negócios. Além da propulsão, recursos tecnológicos de informação e comunicação foram mostrados e ressaltados para melhorar o desempenho dos deslocamentos dos ônibus, dos passageiros e da gestão operacional.

Como se vê, há uma incessante busca por meios e formas que deem um novo caráter ao transporte coletivo, lhe proporcionando a atratividade e a eficiência que o ambiente urbano tanto necessita.

A marca francesa Heuliez Bus foi uma das expositoras presentes na capital francesa que contribui com o mote da mobilidade verde. Nesse contexto, ela apresentou dois modelos feitos sob medida para o transporte urbano. Seu modelo GX 437 ELEC é um exemplo que está livre das emissões poluentes. 100% elétrico, essa versão articulada com 18 metros de comprimento, trazendo um motor de tração de 160/200 kW e baterias de lítio e óxido de titanato. Há duas possibilidade de recarga elétrica para sua propulsão - sistema plug in, a noite nas garagens, e o modo rápido, por meio de pantógrafo instalado em pontos finais e terminais de passageiros.

Outro veículo exposto no salão foi o modelo GX 337 híbrido, contando com um motor elétrico de 120/170 kW e um propulsor a diesel, de 284 cv, trabalhando em regime paralelo, proporcionando uma redução de até 50% das emissões de óxido de nitrogênio, de acordo com a Heuliez. Essa versão tem a opção de dois tipos de armazenamento da energia elétrica - ultracapacitor ou bateria de lítio, combinada com manganês, níquel e cobalto.

Ambos os veículos contam com design externo atraente, acessibilidade facilitada pelo piso baixo e portas largas, ambiente interno agradável e ampla área envidraçada.

Com um estande de 600 metros quadrados, a marca espanhola Irizar mostrou sua grande aposta para o mercado do transporte urbano uma estratégia orientada para o e-mobility, tendo como compromisso de oferecer aos seus clientes e à sociedade produtos e serviços dedicados à eletromobilidade, segmento que em seu entender terá a predominância no transporte coletivo do amanhã.

Foram expostos dois modelos de ônibus, o Irizar ie bus, na versão com 12 metros e o Irizar ie tram, com 18 metros de comprimento, equipados com os sistemas de tração e recarga elétrica desenvolvidos com tecnologia própria. De acordo com a fabricante, suas soluções são integradas e personalizadas para cada cidade, trazendo um conjunto tecnológico incorporado de sistemas com alto desempenho e eficácia, aspecto capaz de promover a otimização de seus ativos, reforçando a oferta de veículos e serviços em harmonia com o meio ambiente e o desenvolvimento urbano.

A Iveco Bus também deu sua parcela de contribuição ao conceito da eletromobilidade com o seu modelo de trólebus Crealis, fruto da parceria com a empresa checa Skoda Electric. Trata-se de um ônibus articulado elétrico portando um desenho externo inovador, que remete à aparência do bondes modernos, artifício para dar uma nova conotação aos serviços urbanos do modal.

Essa versão garante acessibilidade e um ambiente interno harmônico, concedendo ao passageiro uma viagem singular e confortável.
Com informações: AutoBus

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.

© 2010-2016. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados