Header Ads

ad

A participação do modelo Comil Campione 3.65 na frota da Expresso Guanabara

Por Fortalbus
Em 2004, a Expresso Guanabara realizou sua renovação de frota através da compra de 70 ônibus, entre eles, estavam cinco unidades produzidas pela encarroçadora Comil. Os Comil Campione 3.65 chegaram num momento na qual a Guanabara buscava testar novos equipamentos disponíveis no mercado, sempre buscando robustez, segurança, praticidade de manutenção, conforto e um design diferenciado.

Os veículos ostentavam os prefixos 446, 447, 448, 449 e 450, sendo equipados com motorização traseira através do chassi Mercedes-Benz 0-400 RSE. Além disso, os Campione 3.65 ilustrava o até então, serviço convencional da Expresso Guanabara, oferecendo uma configuração interna com muito espaço, novos revestimentos e 46 poltronas reclináveis.

Na época, um detalhe presente nestes veículos chamaram a atenção, o fato do uso de adesivo dando referência ao Top Bus, um serviço urbano seletivo em Fortaleza, que foi operada pela Guanabara até o ano 2000.

Inicialmente, os Campione 3.65 operaram nas linhas intermunicipais do Ceará como; Fortaleza x Sobral, Fortaleza x Majorlândia e Fortaleza x Iguatu. No ano, foram escalados também nas linhas interestaduais, chegando até Goiânia. 

Essa operação se manteve até meados de 2009/2010, quando a a Guanabara começou a desativa-los. Desde então, a Expresso Guanabara não adquiriu mais nenhum exemplar da encarroçadora Comil, mas os modelos Campione 3.65 deixaram seu legado nos 26 anos da Empresa.

Nenhum comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.