Header Ads

ad

Empresa Gontijo e sua vocação para o pioneirismo

A empresa que nasceu em 1943, durante a Segunda Guerra Mundial, com um jovem de apenas 19 anos conduzindo uma Jardineira Chevrolet Comercial, completou 75 anos consolidando-se como uma das referências no transporte rodoviário de passageiros do Brasil.

Fundada por Abílio Gontijo, até hoje em atividade, a empresa desde o inicio mostrou vocação para o pioneirismo, pela competência e dedicação com que ele conduzia os negócios em uma época de muitos desafios.

Marco Antônio Gontijo, diretor de suprimentos da empresa e filho de Abílio, nos conta mais sobre este história.

Ao longo das décadas, quais foram os caminhos percorridos para que a Gontijo chegasse ao patamar atual?

Em 1949, a empresa transfere-se de Carmo do Paranaíba para Potos de Minas e faz a primeira ligação com Belo Horizonte. Em 1965, com o incremento do processo de industrialização do Brasil e com a população se deslocando de áreas rural para as cidades, mudou-se para Belo Horizonte e seguiu expandindo suas linhas nas regiões Norte e Nordeste do Estado. Na década de 1970, a Gontijo ultrapassou os limites de Minas Gerais e chegou ao nordeste e ao centro-oeste do País. Em 1981, foi inaugurado o Parque Rodoviário Gontijo em Belo Horizonte, que é o centro administrativo e de manutenção da empresa, com área de aproximadamente cem mil metros quadrados e capacidade de operação para dois mil ônibus. à partir dos anos 90, a empresa segue em processo de expansão, começando a ganhar prêmios e reconhecimento por seus serviços.

A Gontijo atualmente possui uma das maiores e mais modernas frotas do Brasil. Qual a atual estrutura da empresa?

Atualmente ultrapassamos a marca 1.400 veículos, dos quais 700 são Marcopolo. Nossos principais pátios de garagem e manutenção encontram-se em Belo Horizonte e em São Paulo. Contamos com garagens e aproximadamente 830 pontos de vendas. Cerca de 4.800 colaboradores que são responsáveis pela operação do Grupo e por manter elevados os padrões de conforto e sofisticação dos serviços oferecidos com mais de cinco milhões de passageiros transportados anualmente em 282 linhas que percorrem 19 Estados brasileiros, Distrito Federal e Paraguai.

Como operacionalizar a manutenção em uma frota deste porte?

Focamos diariamente na manutenção preventiva e corretivo dos veículos. Mais de 250 itens são substituídos preventivamente por profissionais capacitados e treinados diretamente pelos fabricantes dos componentes. Possuímos retífica e recauchutadora próprias, com capacidade para atender toda nossa necessidade. Todo veículo no término de viagem, e antes de iniciar a próxima, passa por revisão mecânica e de carroceria, incluindo assentos e sanitários. Para manter a frota sempre renovada, realizamos constantemente a venda de ônibus usados, todos revisados com o padrão de qualidade da empresa.

Qual a política da empresa para a capacitação dos motoristas?

Priorizamos a qualificação dos motoristas, investindo constantemente em treinamento. Cada novo colaborador, antes de assumir o volante, passo por avaliações psicológicas, por um período mínimo de dez dias de treinamento e de mais 40 dias de acompanhamento feito por profissionais com experiência no transporte rodoviário de passageiros. Somente com os treinamentos, são percorridos mais de 300 mil quilômetros por ano.

Além do transporte de passageiros, o grupo tem foco de atuação em outros serviços?

Além do transporte de passageiros oferecemos aluguel de ônibus para outras finalidades. Atender 20 Estados brasileiros também nos permite atuar no segmento de encomendas com a mesma qualidade e segurança com que transportamos milhares de passageiros. 

Nenhum comentário

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.