Header Ads

ad

Crise no setor de ônibus urbanos em João Pessoa

Por Amara Alcântara
O diretor institucional do Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de João Pessoa (Sintur-JP), Isaac Júnior Moreira, informou nessa quinta (17) que a crise no setor pode atrasar o pagamento de salários dos funcionários.

Isaac explicou que o pagamento dos motoristas, cobradores e fiscais é feito em duas partes. “A primeira parte do salário é pago dia 20, é pago 40%. No dia 5 do mês seguinte são pagos os 60% restantes. Mas não há dinheiro em caixa para fazer o pagamento do dia 20”.

O diretor reiterou que o uso de aplicativos e dos transportes irregulares está fazendo as empresas de ônibus operarem no “vermelho”. Ele afirmou que em 2013 eram  94 milhões de passageiros  e este ano esse número baixou para 66 milhões.

2 comentários:

  1. Os empresários de olho grande no aumento das passagens, não se importaram com os taxistas que tentaram alertar, agora aguenta. Más ainda dá tempo, é só exigir a regulamentação ao prefeito, pois está uma zorra

    ResponderExcluir
  2. Sr. Prefeito tenha vergonha na cara, tome uma atitude, salve o transporte público e os taxistas que estão passando fome. Faça a coisa certa.

    ResponderExcluir

O Fortalbus se reserva no direito de selecionar os comentários.