segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Novidades na frota de Fortaleza seguem a todo o vapor

Por Fortalbus
O ano de 2014 entra para a história do transporte fortalezense como o período de grandes mudanças. Além da inauguração da nova comunicação visual dos coletivos, implantação de faixas preferenciais, entrega do Terminal de Antônio Bezerra ampliado, merece destaque os investimentos realizados pelas empresas na aquisição de veículos novos e modernos.

Nesse domingo (23), chegaram em Fortaleza novos ônibus para três empresas da capital: São José, Viação Fortaleza e Siará Grande. 

A São José Transporte Urbano, segunda maior empresa do Sistema Integrado, recebeu mais seis unidades do modelo Mega Plus, montados com chassis Mercedes Benz OF-1519 e equipados com ar condicionado, finalizando esse lote de aquisições, em um total de dez. Segundo informações da empresa, os veículos deverão circular alternadamente em linhas alimentadoras, possuindo mais de um modelo com ar condicionado em cada uma.

Novos ônibus também para a Viação Fortaleza, que segue renovando com unidades do New Torino montados com chassis Mercedes-Benz OF-1721 e ostentam os prefixos 02422 e 02425. A exemplo dos últimos exemplares adquiridos, estes não dispõem de refrigeração, já que a Prefeitura de Fortaleza estabelece a data de 1º de dezembro para o início da exigência do equipamento nas compras de ônibus novos realizadas pelas empresas. Entretanto, um detalhe que os diferenciam dos demais é a adoção do itinerário eletrônico lateral, sendo os primeiros da empresa a possuírem tal configuração.

Enquanto a nova edição do modelo líder absoluto de vendas da Marcopolo se firma como preferência entre algumas empresas, como a Fortaleza, Fretcar, Maraponga, Via Urbana e Dragão do Mar, a versão anterior do Torino segue aclamada pela Viação Siará Grande. Foram flagrados pelas lentes do Fortalbus os modelos de prefixos 14417 e 14419. Só neste ano, a empresa trouxe 18 unidades do modelo para reforçar a sua frota, elevando significativamente a idade média da frota. É a maior renovação da Siará Grande nos últimos anos, que inclui também a aquisição de seu primeiro articulado.

Entrega de corredor de ônibus BRT deve acontecer em dezembro

Já em atraso, a conclusão das obras de mobilidade urbana na Avenida Bezerra de Menezes, em Fortaleza, foi adiada para o dia 15 de dezembro. Enquanto isso, congestionamento e muitas reclamações dos que têm que trafegar todos os dias em uma das vias mais movimentadas da cidade.

O motorista de topique Francisco Márcio disse que todos os dias enfrenta mais de uma hora de trânsito. “Aqui sempre foi uma confusão. Quando termina uma obra, começa outra, e nós somos os mais afetados. Estou torcendo para que, quando terminar, realmente melhore pra gente, pois agora está péssimo”, reclamou.

No local das obras, máquinas e operários trabalhando. Na via, congestionamento e muitas buzinas. A professora Cláudia Viana, 60 anos, mora próximo à avenida e precisa enfrentar o trânsito diariamente. Ela reclama do atraso nas obras, mas confia que os transtornos serão por uma boa causa. “Perco cerca de meia hora parada no trânsito. Mas acredito que, quando terminar, será bem mais fácil andar na Bezerra de Menezes. Por enquanto, está complicadíssimo”, afirmou.

Já o proprietário de uma banca de revista localizada na avenida, Valderli Oliveira, comentou que já passou por momentos piores. “Aqui tem congestionamento, mas muita gente já sabe da situação e procura trafegar em outras vias, e isso acaba melhorando o tráfego aqui. Mas já teve obras piores por aqui. Na época, perdi muitos clientes”, recordou.

Corredor BRT
As obras são para a implantação de estações para embarque e desembarque do primeiro corredor exclusivo para ônibus. Segundo a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinf), a conclusão das obras irá facilitar e agilizar o deslocamento dos usuários de transporte coletivo que realizam o percurso de 8,2km do Novo Terminal Antônio Bezerra ao Centro.

As estações BRT
O secretário de Infraestrutura, Samuel Dias,  informou que o projeto de implantação das estações, que antes contava com dez unidades, agora contará com onze estações na primeira fase. “São dez estações na Avenida Bezerra de Menezes e, a partir de estudos realizados, incluímos mais uma em frente ao mercado São Sebastião”. Com a implantação do corredor, a previsão é de que a velocidade dos ônibus na via aumente 40%.

Grandes mudanças
Quando o corredor expresso estiver concluído, as quatro faixas (duas em cada sentido) ao lado do canteiro central da Av. Bezerra de Menezes serão utilizadas apenas pelo transporte público e as quatro faixas junto aos passeios (duas em cada sentido), que hoje funcionam como faixas exclusivas para o BRS (Bus Rapid System), serão restituídas para o trânsito de veículos particulares.

Investimento
O corredor Antônio Bezerra/Centro é a primeira etapa do corredor Antônio Bezerra/Papicu, que terá extensão de 17,4km, com investimento total de R$ 187 milhões. As obras fazem parte do plano da Prefeitura de implantação de 130 quilômetros de corredores de ônibus, com um montante de aproximadamente R$ 1,5 bilhão.
Com informações: O Estado

Fortaleza: Com faixas exclusivas, velocidade de ônibus cresce até 207%

Cinco meses após a implantação do sistema binário na Aldeota, a primeira avaliação oficial sobre a faixa prioritária para o transporte público é positiva. Considerando o horário de pico da tarde, entre 17h e 19 horas, o aumento da velocidade média dos ônibus chegou a 207% na Santos Dumont, com tempo de viagem reduzindo de 27 minutos para nove minutos. Na Dom Luís, o aumento foi de 144%.

De acordo com a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), dados preliminares de avaliação identificaram, ainda, crescimento de 70% na velocidade média dos coletivos na Avenida da Universidade, de 120% na Carapinima e de 40% nos trechos iniciais da Antônio Sales, entregue finalizada ontem. “Chegar a 20km/h é um excelente nível. Conseguimos isso na Dom Luís (que chegou a 22,42km/h) e, na Santos Dumont, estamos a caminho (chegou a 13,5 km/h)”, afirmou o titular da SCSP, Luiz Alberto Sabóia.

Os resultados têm relevância. Para o secretário, “a cidade está começando a respeitar a faixa prioritária”. O objetivo da Prefeitura é fazer com que os percursos pendulares de tráfego da Capital, que representam 60% dos trajetos diários, possam ser feitos em ônibus. “Ter como eixo central da mobilidade o transporte público é única saída para Fortaleza ter um trânsito mais civilizado e humano. O padrão de uso do carro precisa mudar”.

A premissa de escolha para implantação do espaço prioritário é que a via tenha, no mínimo, três faixas. “Isso para não prejudicar o trânsito misto. Porém, a depender dos resultados, poderíamos atacar outros tipos de vias”, frisa o engenheiro civil Ezequiel Dantas, técnico do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito (Paitt).

Ações em 2015
Novas faixas prioritárias deverão funcionar nas avenidas Perimetral e Leste-Oeste ainda em dezembro. Em 2015, de acordo com Luiz, o objetivo é ampliar a iniciativa para bairros mais distantes do Centro. A avenida Raul Barbosa também deve fazer parte das ações, que incluem corredores exclusivos com pontos de parada no canteiro central.

O próximo ano deve ter ainda a implantação de um sistema informativo ao usuário. “É um aplicativo móvel em que o passageiro seleciona a linha e o ponto de parada que quer. Em tempo real, serão dados os tempos de chegada da linha esperada e das próximas”, detalha o secretário. A previsão é disponibilizar painéis informativos apenas nos terminais de integração. “Você pode ter esses painéis no bolso, no celular. Não precisa se deslocar até o ponto de parada para ter acesso às informações”, defende.
Fonte: O Povo

domingo, 23 de novembro de 2014

Por onde anda: Canindé 600

Por Fortalbus
A edição de hoje mostra por onde anda um dos modelos Viaggio Geração 6 com motorização dianteira adquiridos pela Expresso Canindé. Com a ampliação de suas linhas, a empresa passou adiquirir novos veículos com motorização traseira com suspensão a ar, mudando o conceito da empresa que mais tarde se transformaria em Viação Princesa dos Inhamuns.

Quando a Expresso Canindé tornou-se Princesa para concorrer a licitação do transporte intermunicipal no Ceará, os carros mais novos receberam a identidade visual da nova empresa, entre eles, o de prefixo 600, que já deixou a frota da Princesa.

Atualmente, o antigo 600 da Canindé e também Princesa, faz parte da frota da Tonettur Turismo, empresa que atua no segmento de fretamento de veículos, no estado de Mato Grosso. O ônibus recebeu o prefixo 8011, que conservou a pintura de origem da empresa cearense..
           Dados do veículo: Viaggio G6 1050 – Mercedes-Benz OF-1721 (HWW-7079)

Ar-condicionado, é o novo ítem de conforto dos ônibus de Fortaleza

Por Fortalbus
Chegou a Fortaleza o primeiro ônibus convencional da nova frota com ar-condicionado. Aos poucos, os 1.956 transportes coletivos da Capital serão substituídos. Os primeiros veículos fazem parte da frota da São José Transportes. Até 2020, todos os ônibus que circulam por Fortaleza terão ar-condicionado, acessibilidade para cadeirantes e menos poluentes.

"Esses veículos vão ser todos direcionados para as linhas onde estão sendo implantadas as faixas exclusivas. Até 2020, todos os ônibus de Fortaleza estarão equipados com ar-condicionado, conforme foi o nosso acerto com o prefeito", garante Dimas Barreira, presidente do Sindiônibus. 

As unidades dos ônibus climatizados da São José Transporte Urbano, são do modelo Mega Plus, montado com chassi OF-1519. Além do sistema de climatização, outros diferenciais internos se destacam, como as poltronas estofadas, os novos veículos trazem uma modificação na identificação visual, com a circunferência em destaque na parte traseira. Cada ônibus dessa nova frota custou, em média, R$ 300 mil. 

Os novos ônibus chegam para renovar o cenário de qualidade e conforto no transporte coletivo de Fortaleza, que passa atualmente por fortes transformações, e antenada sempre com a tecnologia e modernidade de seus ônibus, a São José Transportes Urbanos vai reduzindo a idade média de sua frota.
© 2010-2014. Fortalbus Busólogos - Todos os direitos reservados